Por que você faz cinema?
Para chatear os imbecis / Para não ser aplaudido depois de seqüências dó-de-peito / Para viver à beira do abismo / Para correr o risco de ser desmascarado pelo grande público / Para que conhecidos e desconhecidos se deliciem / Para que os justos e os bons ganhem dinheiro, sobretudo eu mesmo / Porque, de outro jeito, a vida não vale a pena / Para ver e mostrar o nunca visto, o bem e o mal, o feio e o bonito / Porque vi Simão no Deserto / Para insultar os arrogantes e poderosos, quando ficam como cachorros dentro d’água no escuro do cinema / Para ser lesado em meus direitos autorais.

Publicado em Pourquoi filmez-vous? / Libération / Paris / maio de 1987




FILMES DO SERRO | Portfolio | Links | Contato
JOAQUIM PEDRO DE ANDRADE | Biografia | Filmografia | Entrevistas | Bibliografia
« volta

2004 © Filmes do Serro

» créditos